HORARIO DE ONIBUS SC

Passageiros que pretende consultar o Horario de Onibus de linhas que atendem as cidades de Santa Cantarina, se for na capital ou nas cidades do interior.

Florianópolis SC e Região Metropolitana

Florianópolis SC e Região Metropolitana

Blumenau Metropolitana

Brusque

Itapem

Porto Belo

Camboriú

Chapecó

Colombo

Criciuma

Criciuma Metropolitana

Joinville

Palhoça

Pinheiro

São José

Ponta Grossa

Campo Largo

União da Vitoria

Itajaí

Lages SC

Consorcio Fenix
O que é o SIM?

O logotipo SIM se refere ao Sistema Integrado de Mobilidade. Não é uma instituição ou uma empresa. O nome e a logomarca foram criados pela Prefeitura Municipal de Florianópolis (PMF) durante o processo de licitação do Sistema, na busca de uma nova identidade para o transporte municipal.

Quais as novidades que o contrato introduz?

A novidade mais importante será o Sistema de Ajuda à Operação (SAO), que funcionará nas instalações do Centro de Controle Operacional (CCO). O SAO será o cérebro do sistema, fornecendo informações em tempo real para os smart phones, tablets e computadores pessoais dos usuários.

As principais informações serão:

a) em que ponto está o ônibus que o usuário está interessado;
b) que horas o ônibus irá passar no ponto desejado e
c) as condições de tráfego.
Como o SAO vai melhorar a vida dos usuários?

Vai proporcionar um uso melhor do tempo de cada cidadão, seja morador ou turista, além de oferecer mais segurança. Os ônibus terão equipamentos com tecnologia de ponta, como GPS e câmeras de monitoramento. Com isso será possível identificar problemas no tráfego, nos veículos e adotar rapidamente as possíveis soluções. Caso um ônibus quebre, o Horario de Onibus Fênix saberá de imediato e providenciará sua substituição. O tempo e as novas tecnologias permitirão que o sistema seja cada vez mais aprimorad

Qual o prazo para o SAO entrar em operação?

O SAO depende da construção do CCO para sua instalação e os projetos já foram encaminhados à Prefeitura. O Consórcio Fênix aguarda a concessão dos alvarás e licenças para iniciar a obra, cujo prazo de conclusão é de 360 dias. Uma vez concluída a obra, entra em operação um projeto-piloto e depois será estendido para toda a frota.

Ônibus intermunicipal participa do Consórcio?
Não, o sistema intermunicipal não faz parte do Consórcio Fênix. O mesmo não foi incluído no edital de concorrência vencido pelo Consórcio Fênix.

Quais os principais custos do transporte?

Os custos com a folha de pagamento (salários e encargos sociais) representam 43%, seguidos do óleo diesel (18%), peças e pneus (9%), investimentos em veículos e garagens (12%), utilização dos terminais (4%), operação do sistema de bilhetagem (4%), impostos e outros itens fracionados.

Por que tenho que fazer transbordo nos terminais?

Os terminais foram planejados para concentrar linhas e horários e assim executar com mais rapidez e frequência os acessos entre o centro e os bairros- ou entre os bairros. Outra grande vantagem é reduzir o número de ônibus circulando pela área central da cidade e desafogar o trânsito. Antes da integração 587 ônibus se deslocavam, obrigatoriamente até o centro, finalizando suas viagens com numero muito reduzido de usuários. Com as operações nos terminais, limitou em 200 ônibus no centro e os demais nos bairros, contribuindo para melhorar a mobilidade.

O que o contrato prevê sobre reajuste e revisão tarifária?

O contrato de concessão determina, no item 1 da cláusula XVIII (‘Do reajuste da tarifa’): 1. O valor da TARIFA BASE e das tarifas diferenciadas dela decorrentes será reajustado a cada 12 (doze) meses contados da data-base inicial utilizada como referência para a PROPOSTA FINANCEIRA vencedora da licitação, ou seja, o dia 01 de janeiro de 2014 conforme disposto no EDITAL. Também está exposto que “o equilíbrio econômico e financeiro deste CONTRATO constitui principio fundamental do regime jurídico da concessão” (item 1 da cláusula XIII). O percentual do reajuste está vinculado a uma cesta de índices, cuja variação determina o número final. Também a comunicação sobre quando são reajustadas as tarifas e seus respectivos índices é de responsabilidade da Prefeitura. Confira o contrato disponível em http://www.consorciofenix.com.br/upload/contrato.pdf.

Quais os descontos e gratuidades em vigor? Quem cobre a diferença destes descontos ou das gratuidades?

Gratuitos: idosos a partir de 65 anos, carteiros em serviço, oficiais de justiça em cumprimento de mandado e fiscais do trabalho. Estudantes carentes com renda familiar até três salários mínimos e portadores de necessidades especiais, cadastrados pela Secretaria de Ação Social da PMF;

Descontos: todos os demais estudantes com direito ao desconto de 50%, a Prefeitura paga a diferença;

Tarifa Social: todos os componentes de famílias com renda até três salários mínimos pagam a tarifa reduzida. A Prefeitura também paga essa diferença.

Como eu faço um cartão Passe Rápido?

A primeira via do cartão Passe Rápido é distribuída gratuitamente (salvo a modalidade Turista), desde que se enquadrem nos grupos definidos. Para o cadastro, o passageiro deverá comparecer na unidade central do Passe Rápido (Av. Paulo Fontes, 701, Centro – Anexo ao TICEN) apresentando apenas o documento de identidade. Para os estudantes é necessário apresentar também o comprovante de residência e matrícula da instituição de ensino. Os passageiros que recebem algum tipo de benefício ou gratuidade devem ter identificação com foto no cartão. A captura de imagem para impressão da foto será feita no Passe Rápido, dispensando a apresentação de fotografias pelo usuário.

Mais informações sobre cartões cidadão, estudante, vale-transporte, gratuidade, entre outros, estão disponíveis no site Passe Rápido http://www.passerapido.com.br/passe-rapido/ ou pelo telefone (048) 3251-4114.